#Recomendo 2

Aconteceu muita coisa aqui desde o último #Recomendo, inclusive a mudança no layout no blog. O layout anterior não me permitia instalar o Disqus nos comentários, além de outras modificações que me deixavam meio presa. Isso me desestimulou muito a escrever aqui. Ultimamente só escrevia as tretas, porque essas são difíceis de segurar.

Falando em tretas, tivemos uma treta em série sobre os efeitos colaterais de uma sociedade repleta de direitos: arrogância, negligência e ingratidão.
  • Quem se interessou por esses temas está convidado a conhecer um pouco mais sobre o liberalismo clássico - não confundir com "neoliberalismo" ou "capitalismo" ou "direita". Trata-se de uma filosofia política que tem como valor máximo a liberdade individual e, por consequência, uma interferência menor do Estado na vida das pessoas. Esse textão(ão(ão)) explica muito bem o conceito.
  • Pra ajudar a criar uma atmosfera de empatia, gratidão, fraternidade, ouça a playlist Fellin' Good no Spotify.


Em março aproveitamos o Dia Internacional da Mulher para falar sobre as donas de casa desesperadas, texto que gerou uma treta adicional no meu facebook
  • Se você achou interessante essa abordagem de como o feminismo afeta as mulheres que estão fora do movimento, os vídeos do Factual Feminism são muito legais se você consegue ver em inglês (com legendas em inglês).
  • Se você prefere fazer reflexões em meio a risos e lágrimas, veja a série Desperate Housewives, uma dramédia sobre a vida de diferentes donas de casa, com oito temporadas disponíveis na Netflix.

Durante a votação para abertura do processo de impeachment, vimos alguns argumentos infantis que foram usados não apenas nas redes sociais, mas também nas casas legislativas.
  • Para quem se identificou com algum desses argumentos e deseja melhorar, duas coisas são necessárias: a mente aberta, inclusive com disposição para eventualmente mudar de ideia, e muita leitura crítica, inclusive de autores que não concordam com você - talvez eu seja um deles.
  • Se você ainda não entendeu como funciona o impeachment e a que pé as coisas andam, o Politize tem um post bem didático. Os maiores jornais online têm infográficos explicando o passo a passo do processo.


A treta dessa semana teve como tema a campanha contra a cultura do estupro, a qual, resumida em uma palavra, se traduz por machismo.

Também há algum tempo atrás eu falei sobre a minha biblioteca. Já ultrapassamos 400 volumes! Você tem uma biblioteca? Tem alguma dica para seleção de acervo, conservação, controle, empréstimos? Compartilhe comigo!
Você viu o que tem na minha bolsa? Quer mostrar a sua? Lembre-se de marcar o meu Instagram na foto e não se esqueça da tag #whatsinmybag. Você pode ver outras bolsas na tag do Instagram, no Flickr ou nesse Tumblr bacana.

O que você recomenda? Escreva aí nos comentários.

0 comentários: